Como é difícil torcer pro Palmeiras!

Que me perdoem os sonhadores e quem estava empolgado, mas o jogo de ontem pra mim se define assim:

A bagunça do Corinthians venceu o catadão do Palmeiras.
Aqui, focarei no nostro Palestra. Antes, porém, sugiro a leitura de um post antigo, escrito logo após o último Palmeiras x Corinthians antes de ontem, de 2010, Time sutiã.
Era nossa chance de afundar os Gambás. Perdemos chances incríveis, jogamos de igual pra igual (o que não é motivo de orgulho, dado o baixo nível técnico) e merecíamos o empate, pelo menos. 

O jogo
Como bem diz Vanderlei Luxemburgo, os 15 primeiros minutos de jogo são os chamados blitz: técnica, nem pensar. É correria pra todo lado. E foi assim que Palmeiras pressionou e sufocou o Corinthians nesse tempo. E foi nesse tempo que Jucilei teve a melhor oportunidade do Corinthians (igual à do Alessandro): recebeu livre nas costas da zaga e, cara a cara com Marcos, desperdiçou – por bela defesa do arqueiro. Cá entre nós, é até justificável. Não deve ser fácil você ver São Marcos à sua frente. Metade do gol se perde porque as pernas tremem.
A partir daí, o “abafa” do Palmeiras foi diminuíndo e Corinthians começou a crescer. Durante um período, foi só bola feia no meio de campo e algumas jogadas mais violentas pra dar um pouco de emoção (saudades, Edmundo!), mas nada que empolgasse muio (saudades, Alex!).
De nada adiantaram o esforço (e só) de Maurício Ramos quando perdeu o gol, e vontade (e só) de Thiago Heleno e o bumba-meu-boi no finzinho quando Kleber, Max Santos e outros 500 se esbofetearam na pequena área e não conseguiram pôr a bola pra dentro. É bem verdade que Júlio César estava inspirado, mas como bem disse Marcos, “quando a bola é bem batida, não há boa fase de goleiro que segure”.
Nossa zaga jogava em linha, com um buraco na esquerda (de onde nasceram a maioria das jogadas do Corinthians), e um buraco no meio poderia dar condições, mas graças a Danilo e Edno, dois inúteis, não foi pior.
Cada um é cada um
Marcos: só a presença dele intimida adversários. Fez o milagre do primeiro gol e não teve muito o que fazer. É santo e pronto. Ainda puxou a orelha de Alessandro na comemoração dele.
Cicinho: apesar do nulo Fábio Santos não conseguir marcá-lo, ficou preso na marcação adversária e não conseguiu avançar muito, porém atrás foi bem.
Maurício Ramos: não comprometeu, mas deveria ter instruído mais Thiago Heleno.
Thiago Heleno: Mia Gioconda! Como falta técnica! Não que seja um problema para zagueiro (condição que eu procuraria em um se fosse contratar), mas precisa de um mínimo de cérebro: jogar em linha não pode; dar uma tesoura nas pernas do adversário na LINHA da área?!?! Danilo vai deixar saudades…
Rivaldo: volta, por favor, Gabriel!
Marcos Assunção: o responsável pelas armações, bolas paradas, instrução do meio campo… Quando até Marcos subiu para o ataque, deveria ter jogado a bola no meio do pagode, e não batido direto. Ainda assim, o melhor do meio-campo. Mas não tem que ser usado na armação.
Márcio Araújo: fez UMA jogada decente. Depois não o se viu mais.
Tinga: lutou, correu, tentou… Muito mais do que vinha fazendo. Taticamente até que foi bem.
Luan: realmente a ponta é a posição dele. Tomou conta da lateral esquerda, subiu, desceu, marcou, atacou, serviu…
Kléber: como sempre, o mais esforçado. Precisa urgente de alguém pra jogar com ele, senão não vai dar.
Dinei: é impressionante como esse cara some em campo. Tudo o que fez foi dar um chute a gol com perigo. Depois sumiu também.
Max Santos: no último lance, e o mais emocionante, tentou a todo custo fazer o gol. Acabou atrapalhando Kleber. Nessas horas, vale a máxima das peladas: deixa pra quem sabe.
Adriano: nulo.
Patrik: não conseguiu fazer sua parte: armar jogadas.
Poderíamos ter dormido com 4 pontos de vantagem sobre o Santos, segundo colocado, mas continuamos com 1 só. No frigir dos ovos, continuamos líderes, o que já é de se espantar com esse elenco.
A vida continua.
Anúncios

2 responses to “Como é difícil torcer pro Palmeiras!

  1. fala fala fala e num diz nada

    menospreza o adversário e fica sacaneando! Já teve uns otros post assim deve cara.

    Q zua? Zua tua mãe

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s